Bobsled

Bobsled do Brasil corre atrás da vaga para PyeongChang 2018

Copa América de Whistler, no Canadá, abre a temporada de eventos que decidirá, em janeiro, a classificação para os próximos Jogos Olímpicos de Inverno

Autor: Edmundo Dantas
Fotos: Divulgação/ CBDG

Jogos PyeonChang 2018_Equipe Brasileira de Bobsled
1/11/2017, 14:59:06

A Equipe Brasileira de Bobsled abre no próximo sábado, dia 4 de novembro, a temporada classificatória para os Jogos PyeongChang 2018. Em busca de sua quarta participação em Jogos Olímpicos de Inverno, o Brasil estará na disputa tanto no masculino — 2-man (dupla) e 4-man (quarteto) — como no feminino (dupla), nas duas primeiras etapas da Copa América de Whistler, região de Vancouver, no Canadá. A Copa América de Bobsled consiste em oito provas entre novembro de 2017 e janeiro de 2018. É um dos três eventos do calendário internacional da modalidade que somam pontos para o ranking de classificação para os Jogos Olímpicos de Inverno — ao lado da Copa Europa e da Copa do Mundo. A competição em Whistler vai até terça-feira, dia 7. “Depois de Whistler, vamos para Calgary (Canadá) e Park City (EUA). Passadas essas três competições, a gente espera já estar praticamente classificado para os Jogos Olímpicos. Contamos com a torcida de todos no Brasil”, afirmou Edson Bindilatti, piloto do trenó brasileiro.

Na disputa masculina para estar nas Olimpíadas de PyeongChang, na Coreia do Sul, são 30 vagas no bobsled em cada uma das categorias. Os três países com os três melhores trenós no ranking internacional garantem três vagas; as seis nações com os dois melhores trenós na classificação garantem duas cotas; e os seis países subsequentes garantem apenas uma vaga. No feminino, são 20 vagas olímpicas, com critério semelhante: os dois países com os três melhores trenós garantem três cotas; os quatro países com os dois melhores conjuntos ganham duas vagas e os seis países na sequência do ranking ganham uma cota. O bobsled brasileiro já esteve presente em três edições dos Jogos Olímpicos de Inverno. O quarteto masculino estreou em 2002, nos Jogos Olímpicos de Salt Lake City, e também competiu em Turim (Itália), nos Jogos de 2006. Nos Jogos de Sochi (Rússia), em 2014, o Brasil esteve presente com o quarteto masculino e com a dupla feminina.

COMENTÁRIOS